Passadas mais de duas décadas em que se reclamava a criação do acesso rodoviário de ligação com cerca de 8,8 quilómetros de extensão, de modo a ligar o parque empresarial de Formariz em Paredes de Coura, ao nó de Sapardos (Vila Nova de Cerveira) na A3, a muito desejada ligação vai finalmente avançar.

A data para o arranque da construção será a partir de Abril, oficializado através de um despacho do ministro do Ambiente a declarar o “Relevante Interesse Público” da obra, publicado esta Segunda-Feira em Diário da República. A Infraestruturas de Portugal (IP) pode requerer a Declaração de Utilidade Pública (DUP) dos terrenos e a consequente notificação dos proprietários de que irá proceder à expropriação dos mesmos.

Contactado pela Lusa, Vítor Paulo Pereira, presidente da Câmara Municipal de Paredes de Coura refere que a empreitada “visa a melhoria das condições de acessibilidade, circulação e segurança” naquele troço e envolve a execução de “quatro novas rotundas para beneficiação das condições de mobilidade na ligação à rede viária local, a construção de oito obras de arte e de uma ponte sobre o Ribeiro das Corredouras”.

Está prevista a inclusão na obra de “dois pontões, sobre a Ribeira de Sapardos e sobre
a Ribeira de Borzendes, de duas passagens agrícolas, duas passagens inferiores e uma
passagem superior para peões”.

A construção daquela ligação faz parte do Programa de Valorização das Áreas Empresariais lançado pelo Governo, em fevereiro de 2017.

Além do despacho relativo à declaração do RIP, foi ainda hoje publicada em DR uma portaria assinada pelos secretários de Estado do Orçamento, João Rodrigo Reis Carvalho Leão, e das Infraestruturas, Jorge Moreno Delgado, a autorizar a IP a contratar serviços de fiscalização daquela obra.

 323 total de visualizações,  2 total hoje

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *